WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
nova mrv

PMVC

Embasa

FTC



safernet br
diamantina

fainor

novo horizonte

aky veiculos

natanael tocoto

Renato Gaúcho afirma que um dia vai treinar o Flamengo

do Globoesporte

Técnico do Bahia fala com bom humor sobre as vaias recebidas no Jogo das Estrelas, em entrevista à ‘Rádio Globo’

Renato Gaúcho abraça Zico (Ibson atrás) durante o Jogo das Estrelas no domingo

Um dos jogadores mais vaiados pela imensa maioria rubro-negra que compareceu ao Maracanã para o Jogo das Estrelas, domingo passado, Renato Gaúcho não perdeu o bom humor. Em entrevista à “Rádio Globo” na noite desta segunda-feira, o atual técnico do Bahia disse que um dia a torcida do Flamengo voltará a incentivá-lo.

– Alguns torcedores não me perdoam por causa do gol de barriga (que deu o título carioca de 1995 ao Fluminense), mas eu tenho um carinho muito grande pela torcida, pelo clube e tenho certeza que um dia vou trabalhar no Flamengo. Aí a torcida vai estar do meu lado – disse Renato, que mesmo atuando ao lado de Zico e Romário não foi perdoado a cada erro de passe pelos torcedores rubro-negros.

Renato ainda confirmou que recebeu uma proposta para dirigir o América-RJ:

– Conversei com o Romário, com o Celso Barros, presidente da empresa que também patrocina o América, e o próprio presidente do América (Ulisses Salgado) e a conversa foi muito boa. Mas a proposta financeira do Bahia foi bem superior e havia também o meu desejo de dar um “chega pra lá” no bom sentido no Rio de Janeiro e trabalhar em outro lugar fora do estado do Rio.

O técnico começará o seu trabalho no Tricolor baiano no próximo dia 4 e afirmou que não acredita que seja hostilizado pelo fato de na Copa América de 1989 ter ofendido os baianos após ter levado uma ovada quando se dirigia ao campo de jogo para um jogo da seleção brasileira, na Fonte Nova.

– Fui muito bem recebido por todos, mas eu sei que o torcedor quer resultados. E vamos puxar o torcedor para o nosso lado – prometeu o técnico.

Renato acrescentou que a prioridade do Bahia será a volta para a Primeira Divisão do Campeonato Brasileiro, mas ressaltou que antes disputará com o objetivo de vencer o Campeonato Baiano e a Copa do Brasil.

– O presidente Marcelo Guimarães me apresentou um projeto muito bom e acabamos acertando. Vou levar o Alexandre Mendes (auxiliar técnico) comigo, porque não abro mão dele, mas o restante da comissão técnica será do próprio Bahia, até porque recebi excelentes informações sobre os profissionais que estão lá – afirmou Renato.

Leia também no VCN:
error: Você não tem permissão para copiar conteúdo ou visualizar a fonte.