WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
nova mrv

PMVC

Embasa

FTC



safernet br
diamantina

fainor

novo horizonte

aky veiculos

natanael falar e arte

Após vender Éder Luís, Atlético-MG tem interesse na contratação de Obina

do Globoesporte

Presidente Alexandre Kalil diz que atacante seria bem-vindo ao Galo, mas nega ter apresentado proposta ao Flamengo, que só aceita vender

Obina está na mira dos atleticanos

O Atlético-MG tentou a contratação por empréstimo do atacante Obina, que pertence ao Flamengo e disputou o Campeonato Brasileiro deste ano pelo Palmeiras. A diretoria rubro-negra aceita apenas vender o jogador. As partes negam oficialmente, mas o Galo não desistiu do jogador, pedido por Vanderlei Luxemburgo, e pode desembolsar perto de R$ 3 milhões para contratá-lo. Com a venda de Éder Luís ao Benfica, o time mineiro tem apenas Diego Tardelli e Muriqui como opções de peso para o setor ofensivo.

O Flamengo não quer emprestar Obina porque o atacante tem apenas mais um ano de contrato com o clube. A diretoria rubro-negra pretende vendê-lo antes de perder os direitos econômicos sobre o atacante.

– O Obina só será liberado se for vendido. Não temos o interesse de emprestá-lo. Não apareceu proposta até o momento, e desconheço o interesse do Atlético. Se aparecer proposta, vamos sentar e conversar. Caso contrário, o Obina se apresenta aqui no dia 5 de janeiro – diz Marcos Braz, vice de futebol do Flamengo.

O empresário Eduardo Uran, agente de Obina, é quem teria conversado com o presidente do Atlético sobre uma eventual negociação.Em entrevista por telefone ao GLOBOESPORTE.COM, Alexandre Kalil foi evasivo ao comentar o assunto.

– O Obina é bem-vindo ao Atlético, mas não confirmo que fizemos proposta por ele. O Flamengo, todos sabem, não aceita emprestar o jogador. Quer R$ 3 milhões pela venda, e o Atlético não tem dinheiro para comprar – disse.

Emprestado ao Palmeiras nesta temporada, Obina teve os direitos fixados em R$ 4 milhões, mas o preço pode ser reduzido em uma eventual venda no mercado nacional. Clubes da Arábia Saudita e do Japão, no entanto, também devem fazer proposta pelo atacante do Fla após a virada do ano e a abertura da janela de transferência para o mercado externo.

Leia também no VCN:
error: Você não tem permissão para copiar conteúdo ou visualizar a fonte.