WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
pmvc abring

ftc uniftc





safernet br
tivic

fainor

aky veiculos

natanael falar e arte

“Seres estranhos” já habitam a Av. Paulista, momentos antes da Corrida de São Silvestre

do Globoesporte

Vigilante que se fantasia de Rei do Pop há 17 anos resolveu chamar um amigo para estrear na mais tradicional corrida de rua do Brasil

Já virou tradição. Pela 17ª vez consecutiva, o vigilante Marcos Paulo Cabral de Lima, de 36 anos, está pronto para disputar a Corrida de São Silvestre fantasiado de Michael Jackson. Este ano a fantasia ganha mais visibilidade por causa da morte do Rei do Pop, em junho.

– Eu sempre corro vestido de Michal Jackson. É a 17ª vez que participo da São Silvestre. E este ano eu ainda trouxe um amigo para estrear – declarou o vigilante.

O amigo a que ele se refere é Elvis Presley. Ou melhor, Robson da Silva, de 35 anos. É a primeira vez dele na corrida. E ele espera fazer sucesso ao lado de Michael Jackson.

A largada das mulheres na 85ª edição da São Silvestre está marcada para 16h25. A partida dos homens está prevista para 17 minutos depois, às 17h42m.

Um show a parte

Francisco Chagas Nascimento é outro que está vestido de Michael Jackson na Avenida Paulista. Mas esse corredor, de 45 anos, foi mais ousado. Em uma bicicleta, ele fez uma espécie de plataforma na frente e colocou uma maquete de Neverland.

A mansão que pertencia ao cantor americano é como um parque de diversões. Mas a brincadeira de Francisco não parou por aí. Em um som portátil, ele colocou uma música do Rei do Pop e dançou na avenida, chamando a atenção de muitos dos presentes no local.

‘Fuzileiro’ usa São Silvestre como teatro

Na Corrida de São Silvestre tem de tudo. Ou quase tudo. A 85ª edição, que começa daqui a pouco em São Paulo, vai receber em seu percurso um ‘fuzileiro’. Essa é a fantasia de Antonio Carlos Barbosa Araújo, de 48 anos.

Segundo o corredor, sua fantasia é uma homenagem aos brasileiros que estão em missão de paz no Haiti. E para completar, ele fará uma espécie de teatro no começo da corrida.

– Vou deixar a bandeira do Brasil dobrada como se fosse uma arma. Quando a corrida começar vou me jogar no chão, como se estivesse atirando, e abrir a bandeira.

Política, racismo e aquecimento global em pauta

É praxe na São Silvestre alguma brincadeira com os políticos. E neste ano foi o que fez o grupo de amigos, formado por Michael, Alessandro, Cosme e Hélio. Eles estão fantasiados de congressistas e fazem alusão ao escândalo envolvendo José Roberto Arruda, governador do Distrito Federal. Para ilustrar isso, eles estão com dinheiro nas meias, na cueca…

Delmário de Oliveira, de 48 anos, por sua vez, está exibindo apenas uma faixa contra o racismo. Nela, está escrito: “Racismo, não. Somos todos iguais”. Ele é mineiro de Formigas.

Há também aqueles que fazem protestos contra o aquecimento global. E a fantasia escolhida por José Márcio Zanetti, de Ribeirão Preto, foi de Fred Flinstones, personagem de desenho animado.

– Vim com um carro de homem das cavernas para lutar contra o aquecimento global – disse.

Paixão rubro-negra

O casal Ana Holovaty, de 24 anos, e Edson José, de 34, está quase todos os anos na São Silvestre representando a torcida do Flamengo. Nesta temporada, por sinal, eles têm muito o que comemorar. Afinal, a equipe carioca foi pela sexta vez campeã brasileira.

– Estamos sempre aqui com a camisa do Flamengo. Mesmo nas fases ruins. Se tivéssemos sido rebaixados também estaríamos aqui uniformizados – disse o marido.

Ana e Edson estão carregando uma faixa em agradecimento a São Judas Tadeu (padroeiro do Flamengo) pela graça (o título nacional) alcançada.

Emília, Emília, Emília…

Camila Feitosa é uma apaixonada pela Corrida de São Silvestre. É possível perceber isso ao ver que ela está com o seu filho Mateus, de apenas dois meses, na Avenida Paulista. Vestida de Emília, a boneca de pano do Sítio do Pica Pau Amarelo, ela também levou ao palco da corrida a sua filha, Ana, de dois anos.

Como ainda está amamentando Mateus, que está com uma fantasia de Super-Homem, Camila teve de sair com ele de casa. Não teve jeito.

Comentários

comments

Leia também no VCN: