WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
pmvc abring

diamantina toyota





safernet br
tivic

fainor

aky veiculos

natanael falar e arte

‘Passei fome’, diz brasileira que ficou ‘ilhada’ pelas chuvas em Machu Picchu

do G1 | TV GLOBO

Avião da FAB trouxe 62 brasileiros que passaram dias presos na região. Acesso à cidade inca foi interrompido por conta das enchentes.

Chegou nesta segunda (1º) ao aeroporto do Galeão, no Rio, o avião da Força Aérea Brasileira (FAB) com 62 turistas brasileiros que ficaram uma semana ilhados em Águas Calientes, próximo à cidade inca de Machu Picchu, no Peru, devido às fortes chuvas que atingiram a região.

“Tive de dormir no chão, passei fome. Porque, na verdade, até teria dinheiro, mas não tinha como sacar”, disse uma brasileira ao desembarcar. Ela reclamou da falta de assistência e disse que o vice-prefeito da cidade demorou a aparecer. “Até então ninguém tinha falado nada. Ficou um disse me disse, um falou isso, outro falou aquilo, a gente ficou de mãos atadas lá.”

Segundo a FAB, um dos turistas resgatados disse ter ficado ilhado com a mulher e dois filhos junto com o grupo de 280 brasileiros. O avião que faz o transporte dos brasileiros, um C-130 Hércules, de carga, deixou 14 toneladas de alimentos no Peru.

De acordo com nota divulgada pela Força Aérea, o embaixador do Brasil no Peru, Jorge Taunay, acompanhou o embarque dos brasileiros em Cusco. À FAB Taunay disse que o governo peruano ajudou no resgate dos brasileiros. “Foi uma ponte aérea que primou pela eficiência na logística e na técnica.”

Comentários

comments

Leia também no VCN: