WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
nova mrv

PMVC

Embasa

FTC



safernet br
diamantina

fainor

novo horizonte

aky veiculos

natanael tocoto

Videogame Nintendo Wii diminui depressão em idosos, afirma universidade dos EUA

do R7

Prática de “exergames” melhoraram humor e saúde mental de pessoas entre 63 e 94 anos

Jogadores entre 63 e 94 anos praticaram esportes do Wii três vezes por semana; mais de um terço deles teve diminuído em 50% sintomas da depressão

Uma pesquisa do Instituto Sam e Rose Stein para Pesquisa de Envelhecimento da Universidade da Califórnia, nos Estados Unidos, revelou que os exergames (videogames que combinam jogos com exercícios) podem diminuir bastante os sintomas da chamada SSD (Depressão Subssindrômica, em tradução livre) em pessoas idosas.

Em um estudo-piloto, os pesquisadores descobriram que o uso desse tipo de videogames melhorou bastante o humor e a saúde mental de adultos mais velhos que sofrem da doença.

O estudo foi chefiado por Dilip Jeste, professor de psiquiatria e neurociências da Escola de Medicina da Universidade da Califórnia e deverá ser publicado na edição de março da revista científica Jornal Americano de Psiquiatria Geriátrica.

A SSD é associada a um certo sofrimento, incapacidade funcional e aumento no uso de tratamentos médicos caros. A atividade física pode melhorar a depressão, mas menos de 5% dos idosos fazem exercícios regularmente, explicou Jeste.

Na pesquisa, 19 participantes entre 63 e 94 anos jogaram um exergame no Wii da Nintendo durante sessões de 35 minutos, três vezes por semana. Depois de algumas instruções iniciais, eles escolheram um dos cinco jogos de esportes para jogar – tênis, golfe, baseball, boliche ou boxe.

Usando o controle remoto do Wii – um dispositivo sem fio que detecta os movimentos do corpo – os idosos usaram os braços e os movimentos do corpo para praticar cada esporte, como usar o controle remoto como se fosse uma raquete de tênis, por exemplo.

Os participantes disseram que ficaram muito satisfeitos e deram notas aos exergames por vários atributos, como diversão, esforço mental e limitações físicas, contou Jeste.

– Mais de um terço dos participantes teve diminuído em pelo 50% os sintomas da depressão. Muitos tiveram uma grande melhoria em sua qualidade de vida mental e nos estímulos cognitivos.

O pesquisador conta que alguns participantes começaram o estudo se sentindo nervosos em relação ao desempenho nos exergames e aos aspectos técnicos do jogo. Mas no final da pesquisa a maioria deles disse que aprender e jogar videogames era algo muito divertido, que dá muita satisfação.

Segundo o pesquisador, os participantes acharam os exergames divertidos, se sentiram desafiados e conseguiram ter progresso no jogo. Jeste explicou que o estudo precisa ser replicado com mais pessoas. Ele lembrou que os exergames podem machucar e deve ser praticados com cuidado.

Leia também no VCN:
error: Você não tem permissão para copiar conteúdo ou visualizar a fonte.