divisor

Tempo Nuvens
Terça-feira, 04/08/2015
Previsão do Tempo no Nordeste





leitores online

Parceiros





Busca por Data
junho 2010
D S T Q Q S S
« mai   jul »
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930  
label opiniao





colegio opcao

Após quebra de patente, Pfizer anuncia comprimido de Viagra a R$ 15 para o próximo final de semana

do Último Segundo

Viagra mais barato: fabricante tenta manter parte das vendas quando começar concorrência com medicamentos genéricos

A Pfizer anunciou que o Viagra, a pílula contra impotência sexual, chegará às farmácias pela metade do preço até o fim desta semana. O preço médio de cada comprimido será de R$ 15, e a fabricante informou que venderá cartela com apenas uma pílula azul para ampliar o acesso ao medicamento.

A patente do Viagra acaba no próximo dia 20 de junho, quando novos fabricantes deverão entrar no mercado com suas versões de medicamentos genéricos do comprimido. Os laboratório nacionais EMS e a Eurofarma devem lançar genéricos do Viagra.

Além da versão da cartela com apenas uma pílula, a Pfizer venderá caixas com dois, quatro e oito comprimidos. A venda do Viagra deve ser feita pelas farmácias apenas sob receita médica. No entanto, é prática comum do paciente adquirir o remédio sem essa exigência.

O laboratório americano decidiu reduzir o preço do Viagra para não perder vendas no mercado brasileiro depois que o Superior Tribunal de Justiça (STJ) determinou o fim da patente do medicamento. A Pfizer luta na Justiça alegando que a expiração da patente só acontece em 2011.

Segundo Adilson Montaneira, a empresa ainda aguarda o teor definitivo da decisão do STJ para tomar uma decisão sobre a possibilidade de recorrer contra o julgamento.

Mas a empresa decidiu se antecipar. A estimativa da Pfizer é de que 70% das vendas do remédio de referência são perdidas quando as versões genéricas chegam ao mercado, e a empresa pretende capturar parte do crescimento esperado pelo mercado.

Nos últimos 12 meses encerrados em abril, o Viagra vendeu cerca de R$ 180 milhões no País, segundo dados do IMS Health. A Pfizer ter detém 35% do mercado em faturamento e 30% em unidades.

O líder no mercado brasileiro de medicamentos contra impotência sexual é o Cialis, da farmacêutica americana Eli Lilly, com 44% em faturamento e 40% em unidades. A alemã Bayer e a brasileira Cristália possuem também medicamentos nesta categoria.

“Vamos perder em margem mas vamos ganhar com o aumento de volume”, disse Montaneira. Nas contas da Pfizer, o mercado brasileiro de tratamento de disfunção erétil – termo preferido dos laboratórios farmacêuticos – movimenta 17 milhões de unidades por ano, e a expectativa é que cresça para 40 milhões de unidades em dois a três anos.

A propaganda de medicamentos contra impotência sexual – seja de produtos como da categoria – é restrita à classe médica, segundo a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). A recomendação é que os pacientes procurem um médico para prescrição do medicamento.

A Pfizer confirmou a informação antecipada pelo iG que fechou uma parceria com o laboratório brasileiro Eurofarma para lançar uma versão do Lipitor, a droga usada no combate ao colesterol. “Estamos buscando proteger os medicamentos que vão perder patente e estamos analisando o acordo com a Eurofarma”, disse Adilson Montaneira, diretor da companhia.

Destaque 1
Mãe envenena bebê com chumbinho para chamar atenção de ex e confessa crime
Destaque 2
Aeroporto de Conquista: Representantes se articulam para cobrar edital do terminal
Destaque 3
Tráfego será interrompido na BR-116, para remoção de passarela em Cândido Sales
Destaque 4
Cidade Digital chega ao povoado de Lagoa de Justino, zona rural de Vitória da Conquista

6 respostas para “Após quebra de patente, Pfizer anuncia comprimido de Viagra a R$ 15 para o próximo final de semana”

  • Alexandre Silva disse:

    Olá Marcelo, realmente a Pfizer esta com uma sacada interessante para se preparar ao que vem no mercado por ai. Já viu o novo genêrico? “Ah-zul”?

    Cópia do Viagra se chamará Ah-Zul
    http://economia.ig.com.br/n1237670593006.html

    Pois é, vem novidades por ai.

    Parabéns pelo post.

    Abs,

  • Caio farias disse:

    É, li essa matéria sobre o Ah-Zul. Com a quebra da patente do Viagra e esse novo medicamento no mercado, os preços serão mais acessíveis a todas as classes.

  • Carlos Gonçalves disse:

    Concordo com você, Caio. O preço do Ah-zul realmente é bem menor e, talvez, se torne a marca de medicamento para ipotência mais consumida nos próximos meses.

  • Roberto disse:

    Ja estava na hora disso acontecer afinal pobre tambem tem direito a fazer mais sexo (desde que seja seguro claro)agora só falta cair a patente do Ciallis , Levitra e outros

  • Magro disse:

    Saiu um novo que se chama Dejavu mesma formula do viagra .

  • Arnaldo disse:

    O Dejavú é o mais barato!

Deixe seu comentário


Mais Lidas

Alta Voltagem
Hoje em dia existem por ai diversas pessoas que gostam de se aproveitar da ingenuidade dos outros, para ganhar dinheiro. Você acredita que um médico pode curar qualquer doença em alguns minutos? Descubra se isso é possível. ASSISTA:



TODOS OS VÍDEOS

Blogs









Facebook


Webtiva.com // webdesign da Bahia


WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia