A garotinha Maria Alicia Souza e Souza morreu instantes após a descarga, por parada cardiorrespiratória.

| Redação.BDM

Uma criança de 1 ano e 6 meses morreu na tarde desta quarta-feira (19), eletrocutada em uma residência na Rua Ademar de Barros, no bairro do KM 4, em Jequié.

A suspeita é de que Maria Alicia Souza e Souza tenha recebido uma descarga elétrica ao colocar um arame na tomada de casa. O corpo da vítima foi encaminhado para o Instituto Médico Legal e sepultado nesta quinta (20). Crianças em casa significam carinho, diversão e alegria, mas também muito cuidado. No caso da eletricidade então, cuidado redobrado. O risco de choques e acidentes elétricos é grande e os pais precisam estar atentos ou as consequências podem ser graves. Uma corrente elétrica passando pelo corpo é o que é chamado choque elétrico.

Os efeitos oriundos dele podem causar queimaduras, alterações na frequência cardíaca e no sangue, danos aos tecidos nervosos e, em alguns casos, parada cardíaca. E no caso das crianças é preciso lembrar que nessa fase da vida, a curiosidade é grande e o senso de perigo é bem pequeno. Colocar a mão ou um objeto em uma tomada, por exemplo, pode ser fatal para os pequenos. O ideal é usar tomadas com bloqueadores (obturadores) que já vêm de fábrica, para evitar esse perigo. // Marcos Gangussu.

Comentários

comments