Jean Sgarbi fez o último contato com o pai na noite de quarta-feira (18). Ele foi visto saindo sozinho de um motel em São Vicente (SP) no dia seguinte.

olícia está investigando o desaparecimento do jornalista Jean Sgarbi, de 25 anos. Ele sumiu na última quarta-feira (18) e, desde então, não há pistas sobre seu paradeiro. Segundo apurad, o carro do jovem foi encontrado abandonado, neste domingo (22), em um motel de São Vicente, no litoral de São Paulo. De acordo com o pai do jovem, Jorge Sgarbi, o jornalista entrou em contato com a família, pela última vez, por volta das 23h de quarta-feira. “Nós conversamos por telefone. Ele disse que estava passeando em um shopping da região e avisou que logo estaria em casa. O problema é que ele nunca chegou e, desde então, o celular foi desligado”, relata. O desaparecimento do jornalista completa cinco dias nesta segunda-feira (23).

Por conta do longo período sem pistas, os familiares resolveram acionar a polícia, que acabou encontrando o carro do jovem, abandonado, dentro de um motel. Segundo a polícia, não foi possível identificar, dentro do veículo, algum indício que associe o desaparecimento a um crime.

Em contato, um funcionário do ‘Flash Hotel’ afirmou que Jean deu entrada no estabelecimento durante a madrugada de quinta-feira (19). Ele teria passado a noite inteira no local e, por volta das 12h, saiu a pé, sozinho, afirmando que iria buscar dinheiro para pagar a diária. O carro permaneceu no local, junto com carteira e documentos, que estavam intactos.

O caso acabou causando grande comoção nas redes sociais, especialmente entre os colegas de profissão do jovem. Atualmente, Jean era produtor de reportagem de uma emissora afiliada em Santos, no litoral de São Paulo. O jovem também chegou a trabalhar no Jornal a Tribuna, um dos mais tradicionais do estado de São Paulo. Ainda de acordo com a polícia, no momento, as buscas estão concentradas em quatro cidades da Baixada Santista. Familiares do jovem, que moram no interior de São Paulo, chegaram na região para acompanhar as buscas. “Estamos desesperados. Não sabemos mais onde procurar e não temos pistas. Estamos precisando muito de ajuda”, afirma Carolina Sgarbi, sobrinha de Jean. As informações são da TV Tribuna.

Comentários

comments