WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
mrv 1

PMVC IPTU

diamantina toyota

fainor

natanael tocoto

VÍDEO: Jovem é morto ao tentar defender o irmão em oficina. Atirador foi cercado e linchado

Um dos irmãos foi atingido de raspão na cabeça. O outro, de 19 anos, entrou em luta corporal com o atirador depois de ouvir os disparos. Autor escapou do linchamento.

Um jovem de 19 anos, identificado como sendo Ruan Gabriel da Costa, morreu após ser baleado na tarde desta terça-feira (19) no bairro Lírio do Vale 1, Zona Oeste de Manaus. O irmão da vítima, que não teve o nome divulgado, também ficou ferido durante a ação. Segundo a polícia, os tiros foram efetuados por duas pessoas diferentes. Uma delas já foi identificada. Os irmãos trabalhavam em uma oficina de motocicletas situada na Avenida Laguna. Por volta das 12h30, um suspeito se aproximou a pé do estabelecimento e começou a atirar.

De acordo com a Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), um dos irmãos, que não teve o nome divulgado, foi atingido de raspão na cabeça. O outro, de 19 anos, entrou em luta corporal com o atirador depois de ouvir os disparos. Durante a briga, uma terceira pessoa não identificada se aproximou e atirou contra os dois homens.

O jovem foi atingido na cabeça e foi conduzido para o Serviço de Pronto Atendimento (SPA) do Alvorada. Ele morreu após dar entrada na unidade. Depois de ser baleado, um dos envolvidos no crime foi até o Hospital e Pronto Socorro 28 de Agosto. A DEHS afirma que o homem já foi identificado. Vídeo mostra suposto atirador cercado e sofrendo tentativa de linchamento. Assista com cautela . Imagens fortes:

Tentativa de linchamento do autor

Na tarde desta terça-feira (19), após uma tentativa de homicídio em uma oficina mecânica, um homem foi filmado sendo agredido com socos e chutes e até pancadas com uma barra de ferro na cabeça. Ele é apontado por testemunhas como sendo o autor dos disparos que feriu um jovem de 19 anos na cabeça, na avenida Laguna, bairro Lírio do Vale, Zona Oeste de Manaus.

Conforme a reportagem apurou, na cena do crime, o crime foi por volta das 12h30, quando chovia naquela região da cidade. O criminoso, segundo as testemunhas, foi dominado e teve a arma de fogo tomada. Um dos cidadãos chegou a efetuar um tiro nas costelas do atirador, com a própria arma usada segundos antes. O homem ainda foi agredido pelos populares, mas acabou fugindo em um carro, modelo Fiat Uno, de cor branca e placas não identificadas – que aparece no vídeo da agressão. Ele contou com a ajuda de um comparsa.

Comentários

comments

Leia também no VCN:
error: Você não tem permissão para copiar conteúdo ou visualizar a fonte.