WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
mrv 2

PMVC

ftc
safernet br
diamantina

aky veiculos

natanael falar e arte

Tragédia: Carro bate de frente em carreta bitrem e três médicos morrem em Minas Gerais

Devido a uma cortina de fumaça proveniente de fogo às margens da rodovia, o veículo Honda/Civic para desviar do fogo invadiu a contramão, sem ver o veículo na pista contrária.

Mais um grave acidente foi registrado nas rodovias que cortam a região. Na tarde desta sexta-feira (20), o motorista teria tentado desviar de uma cortina de fumaça e os 3 médicos que ocupam o automóvel acabaram falecendo. As queimadas às margens da rodovia têm sido frequentes e os acidentes não param.



De acordo com informações da Polícia Militar Rodoviária, por volta de 14h20min, na MG 190 Km 67, em Iraí de Minas/MG, ocorreu uma colisão frontal de uma carreta bitrem com um Honda/Civic de Campinas/SP. As três pessoas que estavam no automóvel acabaram falecendo. O motorista da carreta não teve lesão. As vítimas foram identificadas como Thales Carvalho Araújo, 34 anos, Grazielli Rodrigues Vieira, 35 anos e Renato Chini Calhau, 32 anos. Os três eram médicos e, segundo familiares, deslocavam de Campinas para Paracatu.

Resultado de imagem para irai de minas

Segundo o condutor da carreta, devido a uma cortina de fumaça proveniente de fogo às margens da rodovia, o veículo Honda/Civic para desviar do fogo invadiu a contramão e colidiu frontalmente com a carreta. Bombeiros, SAMU e perícia compareceram ao local e realizaram seus trabalhos. Os corpos foram encaminhados para o IML de Patrocínio pela funerária PAX de Monte Carmelo. As queimadas nesta época têm sido constantes e outros acidentes inclusive com morte já foram registrados.

Resultado de imagem para irai de minas

Resultado de imagem para três medicos morrem

Resultado de imagem para três medicos morrem

Resultado de imagem para irai de minas

Resultado de imagem para irai de minas



Leia também no VCN:
error: Você não tem permissão para copiar conteúdo ou visualizar a fonte.