WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
secom governo da bahia

diamantina toyota





safernet br
fainor

aky veiculos

pic pay

natanael falar e arte

VÍDEO: Influencer que pegou Covid-19 em Itacaré cai em desgraça ao dar “festinha” para ex-BBB

Na noite deste sábado (25), Gabriela Pugliesi desrespeitou a recomendação de isolamento social e deu uma festa em homenagem à ex-BBB Mari Gonzales, que compareceu.

A influenciadora Gabriela Pugliesi, uma das primeiras brasileiras célebres a se contaminar com a Covid-19 (durante o casamento da irmã, na Bahia, no início de março) parece mesmo acreditar na existência de um passaporte da imunidade. Na noite de sábado (25), Gabriela e o namorado, Erasmo Viana, resolveram desrespeitar a recomendação de isolamento social e fizeram uma festa em homenagem à ex-BBB Mari Gonzales na casa onde moram, em São Paulo. Assista:



Entre as convidadas da influenciadora, além de Mari e do namorado Jonas, estavam Barbara Brunca e Taty Betin, outras influenciadoras do universo fitness. Ignorando o momento difícil pelo qual passam milhares de pessoas no Brasil e no mundo, o grupo celebrou, brindou, bebeu e chegou a gritar “F*da-se a vida” em um dos stories posteriormente apagados. Duramente criticada pelos seguidores por furarem a quarentena, as meninas apagaram fotos e vídeos que despertaram comentários como “não é hora de festa” e “você é totalmente sem noção”. Revoltada com as críticas, Barbara Brunca disse que “não teve problema algum o jantarzinho, já que eram menos de cinco pessoas”. E declarou: “Se você sai de casa pra comprar pão, você não tem moral pra falar comigo”.

Perda de patrocínios

Gabriela Pugliesi está pagando caro pela pequena festa realizada em seu apartamento, em São Paulo, na noite de ontem, em meio à pandemia do coronavírus. A influenciadora digital, especializada em saúde e bem-estar, acabou se queimando com patrocinadores ao contrariar a recomendação da OMS (Organização Mundial da Saúde) de se manter em quarentena. A atitude ainda recebeu críticas justamente porque Pugliesi foi uma das primeiras celebridades brasileiras a contrair covid-19. “Não incentivamos atitudes que possam colocar a saúde de qualquer pessoa em risco, assim, estamos suspendendo todas as ações que tínhamos programadas com a influenciadora e adiantamos que esse é nosso posicionamento em qualquer outra situação similar”, declarou no Twitter a Liv Up, marca de alimentos saudáveis.

Procurada pelo UOL, a Liv Up disse: “A Liv Up informa que não apoia ou incentiva qualquer tipo de atitude que possa colocar em risco a saúde e o bem-estar de qualquer pessoa. Sendo assim, confirma que suspendeu todas as ações previstas e programadas com a influenciadora Gabriela Pugliesi e que manterá a postura semelhante com qualquer outro parceiro ou situação simular que venha a ocorrer”. A empresa disse ainda que “está seguindo desde o início, todas as recomendações e cuidados da OMS em relação à covid-19 e adotou uma série de medidas para proteger colaboradores, clientes e parceiros, além de recomendar, sempre que possível, para ficar em casa e evitar aglomerações”. Questionada por usuários do Twitter sobre se continuaria a patrocinar Pugliesi, outra empresa, o BTG Pactual, disse que seu acordo com a influencer já havia terminado. “Tivemos um contrato de seis meses com a influenciadora que venceu em fevereiro. O banco e seus sócios têm sido atuantes nas ações de combate à Covid-19 e doaram R$ 50 milhões para várias iniciativas”, informou a conta oficial do BTG no Twitter.

Mari entra na mira do cancelamento após festinha de Pugliesi ...

Ex-BBB Mari estava no encontro

A festa na casa de Gabriela Pugliesi contou com a presença da ex-BBB Mari Gonzalez e seu namorado, Jonas Sulzbach, além de outras blogueiras. A influencer também foi alvo de críticas dos vizinhos, que reclamaram do barulho até de manhã. De madrugada, Pugliesi e algumas de suas convidadas chegaram a postar fotos e vídeos do encontro nos stories do Instagram. Quase todas as mídias foram tiradas do ar assim que usuários do Twitter começaram a criticar o comportamento dela. Em um dos vídeos, em que aparecia sozinha, Pugliesi chegou a dizer “foda-se a vida”. A influencer foi uma das primeiras famosas a contrair a covid-19 no Brasil, no casamento da sua irmã, Marcella Mineli, com Marcelo Bezerra de Menezes. Um dos padrinhos havia voltado do exterior infectado, espalhando para outros convidados. Até a cantora Preta Gil, uma das atrações da festa, testou positivo para o novo vírus.

Pedido de desculpa

Surpreendida com a repercussão negativa do seu ato, Pugliesi fez um vídeo pedindo desculpa em sua conta oficial no Instagram. Confira o desabafo na íntegra:

“Eu só estou fazendo esse vídeo para pedir desculpas, do fundo do meu coração. Ontem eu juntei meia dúzia de amigos aqui em casa, a gente pediu comida, bebeu. Eu me passei, postei, falei besteira. Enfim, estou extremamente arrependida, estou mal comigo mesma, fui irresponsável, imatura, e mais uma vez quero pedir desculpas. Errei porque não é para juntar gente em casa, porque tem gente passando dificuldade, porque é ofensivo, não ajuda ninguém nesse momento. A quarentena está difícil para mim, mas sei que está muito mais difícil para outras pessoas. E eu que me proponho sempre a falar sobre como a vida pode ser maravilhosa, tenho que ter responsabilidade sobre o que eu falo, sobre o que eu faço, sobre o que eu posto. Então, queria pedir desculpas do fundo do meu coração”. // iBahia . UOL.



Comentários

comments

Leia também no VCN:

Pin It on Pinterest