WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
secom governo da bahia

diamantina toyota





safernet br
fainor

aky veiculos

pic pay

natanael falar e arte

Conquista: UniFTC faz esclarecimentos a respeito da “Nota de Repúdio” dos estudantes

A Rede vem a público esclarecer os pontos levantados na Nota de Repúdio elaboradora por alguns estudantes de Direito do Centro Universitário de Vitória da Conquista.

A Rede UniFTC vem a público esclarecer os pontos levantados pela Nota de Repúdio elaborada pelos estudantes de Direito do Centro Universitário UniFTC de Vitória da Conquista. No texto, os discentes trazem algumas questões que vem sendo enfrentadas como resposta ao covid-19, o consequente isolamento social e demais reflexos da pandemia da Covid-19 em nossas rotinas. A Rede UniFTC vem a público esclarecer os pontos levantados na Nota de Repúdio elaboradora por alguns estudantes de Direito do Centro Universitário UniFTC de Vitória da Conquista.



No texto, os discentes retomam algumas questões já elucidadas e discutidas entre a Instituição e sua comunidade acadêmica. Mas, entendendo a importância do diálogo transparente e constante, a UniFTC se mantém à disposição para tratar dos assuntos que afligem seus estudantes quantas vezes for necessário. De antemão, é importante esclarecer que não houve aumento real nas mensalidades, mas tão-somente a aplicação de reajuste anual previsto em contrato, ação que tem total conformidade com a Lei nº 9.870. A Rede UniFTC também declara que atenderá as exigências impostas pela Lei nº 14.279, que dispõe sobre a redução de mensalidade na rede particular de ensino. No Portal do Aluno, a Instituição publicou uma nota na qual expõe alguns pontos importantes da referida lei.

Para este semestre, outras alternativas de apoio econômico já estavam sendo desenvolvidas. Em uma delas, o Grupo Educacional disponibilizou a rematrícula flexível. Nesse modelo opcional, o aluno detém total controle sobre o seu ritmo de aprendizagem podendo incluir ou excluir disciplinas da sua grade curricular em até 25% da carga horária. Essa flexibilidade também se aplica, proporcionalmente, ao valor da mensalidade semestral. O Grupo Educacional destaca que identificou intercorrências no sistema de rotinas acadêmicas e disponibilidade de disciplinas, contudo, reforça que segue buscando solucionar a situação de modo a não gerar prejuízo acadêmico aos seus alunos, considerando o período de integralização de cunho pedagógico.

A Instituição informa ainda que iniciou as aulas desde o dia 10 de agosto e promoveu uma programação virtual diversificada, com nomes de representatividade no cenário nacional e internacional, que realizaram palestras nas Aulas Magnas e Webinars durante a recepção de boas-vindas aos estudantes para o semestre 2020.2. Ao longo desta semana, os docentes estão acolhendo os estudantes com apresentação dos planos de ensino-aprendizagem e os objetivos acadêmicos a serem alcançados no respectivo semestre. A Rede UniFTC reforça seu compromisso com toda sua comunidade acadêmica, que envolve não só os nossos estudantes e suas carreiras, mas também todos os docentes e profissionais que trabalham nos setores administrativos das unidades. // Ascom-UniFTC.

NOTA PÚBLICA DE REPÚDIO DOS ESTUDANTES

Nós alunos do curso de Direito da UniFtc, vimos a público, externar o nosso mais absoluto repúdio em relação aos acontecimentos intoleráveis e repulsivos que se sucedem há mais de 02 (dois) meses, impossibilitando a grande maioria dos discentes a efetivarem suas matrículas e se credenciarem a iniciar o semestre 2020.2. Em um primeiro momento fomos compelidos a aceitar uma “matrícula às cegas”, visto que esta, só traz a quantidade de horas a serem cursadas, na grande maioria insuficiente para a conclusão do curso, sem discriminar os componentes curriculares obrigatórios. Aliado a isto, o valor da semestralidade foi majorado, em que pese, a Assembleia Legislativa da Bahia ter aprovado de forma tácita no último dia 13 a Lei 23.798/2020, reduzindo as mensalidades das Instituições de ensino particular na razão de 30%. Esta iniciativa de aumento das mensalidades pela UniFtc, se constitui em um contrassenso mormente pelo período de exceção porque o mundo atravessa. Para uma minoria, que teve sua matrícula efetivada no sistema, a carga horária dos componentes curriculares apresenta-se menor do que aquela contratada, além de incongruência nos valores de alunos com mesma carga horária e matrícula. A previsão de início das aulas era para 10/08, o que foi substituído por uma semana que a Instituição classificou como “semana de acolhimento”, com a promoção de inúmeras aulas magnas virtuais. A segunda previsão de retorno às aulas no formato EAD, que seria no dia 17/08/2020, ao que tudo indica será também frustrada, visto que ainda temos inúmeros problemas nas matrículas, na distribuição das disciplinas e mesmo aquelas que já foram atribuídas a alguns alunos, encontram-se sem a informação do docente e sem conteúdo algum na plataforma digital da Instituição. Nossa preocupação maior reside nos prejuízos de aprendizado que se acumulou ao longo do semestre passado, tendo em vista que a maior parte dele foi cumprida no modo EAD e que agora se agrava com todas as incertezas supracitadas. Está problemática se reverbera em um universo de alunos, que alcançaram o status neste último semestre de “formandos” e que agora trazem consigo inúmeras incertezas, dentre elas a real possibilidade de ter o sonho da graduação interrompido ou suspenso, dada a inércia e falta de compromisso da Instituição com os seus alunos. Acreditamos que tal situação se repete em outros cursos e com outras turmas, o que aumenta a preocupação e clima de insegurança. Precisamos de uma resposta plausível da Diretoria da Instituição, pois para uma empresa que se predispõe substituir o papel do Estado na oferta da educação aos seus cidadãos, se espera minimamente um comportamento calcado no respeito, honestidade e responsabilidade social. Respeitosamente, // Alunos do Curso de Direito da UniFtc de Vitória da Conquista – Bahia.



Comentários

comments

Leia também no VCN:

Pin It on Pinterest