WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
diamantina toyota



camara vc cmvc

fainor

aky veiculos

natanael a honra do cla

Pandemia: Flora Gil cancela Expresso 2222 e Carnaval de Salvador em 2022 fica “por um fio”

“Se os governantes da Bahia acharem que devem seguir com a ideia de fazer o Carnaval, ficaremos de fora por mais um ano”, disse a esposa de Gilberto Gil.

Flora Gil, esposa de Gilberto Gil, decidiu cancelar o camarote Expresso 2222 em Salvador. O espaço, um dos mais tradicionais na cidade em época de Carnaval, permanecerá fechado devido à pandemia da Covid-19. Em entrevista ao Jornal Correio, Flora explicou que tem medo do surgimento de uma quarta onda da Covid-19 após as festividades do Natal e Ano Novo.



“Se os governantes da Bahia acharem que devem seguir com a ideia de fazer o Carnaval, ficaremos de fora por mais um ano. A pandemia ainda não acabou, e a aglomeração é um multiplicafor do vírus. Tenho receio de produzir uma festa tão grande, com duração de uma semana, e acabar cooperando com a expansão da pandemia”, explicou a empresária. Na Europa, com índices de vacinação ainda baixos em alguns países, o vírus volta a elevar o número de mortes devido à presença da variante Delta. Em entrevista à BBC, Hans Kluge, diretor regional da OMS, disse que 500 mil novas mortes podem ocorrer até março, se medidas urgentes não forem adotadas.

Ingressos para o Camarote Expresso 2222 estão à venda na internet e lojas  físicas de Salvador | Carnaval 2018 na Bahia | G1

Incerteza nas emissoras de TV baiana

Nos bastidores das emissoras de TV na Bahia, não se fala de outra coisa: o clima é de total incerteza com relação ao carnaval 2022. Fontes ouvidas pela coluna Leo Dias chegam a afirmar que, se a decisão sobre a realização da festa mais importante do calendário baiano fosse tomada hoje, as chances de cancelamento seriam de 90%. A indefinição é provocada pela pandemia da Covid-19. Os números da vacinação em Salvador são preocupantes. De acordo com a Secretaria Municipal da Saúde da capital baiana, o alerta é vermelho: por lá, mais de 70 mil pessoas com idade a partir dos 12 anos, que já estariam habilitadas para o recebimento da 1ª dose, ainda não compareceram aos postos para tomar a vacina. Outras 283 mil estão com o fechamento do esquema vacinal atrasado, e cerca de 156 mil ainda não foram tomar a dose de reforço.

Salvador suspende oficialmente o carnaval de 2021 | Jornal O Expresso

Um dos espaços mais tradicionais da folia baiana confirmou que estará fechado, mesmo se o carnaval tomar as ruas de Salvador no ano que vem. Responsável pelo Camarote Expresso 2222, Flora Gil declarou nesta quarta-feira, em entrevista ao Jornal Correio, da Bahia, que não pretende abrir o camarote por conta da Covid-19. A produtora afirma que a pandemia não acabou e vê risco nas aglomerações. “A aglomeração é um multiplicador do vírus, e o Carnaval é uma aglomeração extraordinária. Tenho receio de produzir uma festa tão grande com duração de uma semana e cooperar com a permanência, e até uma expansão, da pandemia”, explicou. Ivete Sangalo, outro ativo importantíssimo do carnaval baiano, já busca alternativas. Conforme publicado na terça-feira (23/11) pela coluna LeoDias, a IESSI Produções, empresa da cantora, alugou o Centro de Convenções da Boca do Rio para um Carnaval particular em fevereiro. Nos bastidores, comenta-se que a festa carnavalesca terá seis dias de duração. Ivete, claro, é nome mais do que confirmado no evento, mas há a expectativa de que outros artistas sejam anunciados para o line up da folia.

Prefeito Bruno Reis comenta parecer da Fiocruz

O Instituto Gonçalo Moniz (Fiocruz-Bahia) deu um parecer sobre a realização do Carnaval em Salvador: é preciso que pelo menos 90% da população baiana esteja vacinada contra a Covid-19 até lá. Na manhã desta quarta-feira (24), o prefeito Bruno Reis (DEM) comentou a recomendação dos especialistas. Com uma visão otimista, o gestor, se referindo especificamente sobre a capital baiana, afirmou que é possível imunizar total a população até janeiro de 2022. No momento, há mais de 200 mil pessoas sem a segunda dose dos imunizantes na cidade.

Bruno Reis comenta ato pró Carnaval e espera reunião com Rui Costa nesta  semana

“Vocês sabem o respeito que a Fiocruz tem. Muitas das decisões do isolamento social e, depois da flexibilização, que nós tomamos ao longo de quase dois anos, foi ouvindo a opinião deles. Quando a Fiocruz estabelece que com 90% da população vacinada é possível realizar o Carnaval com segurança, isso dá um conforto maior para tomar uma decisão […] Vamos chegar no Carnaval com 90% da população vacinada”, garantiu. O gestor havia afirmado que tinha que a data limite para anunciar a viabilidade da festa o final deste mês. A decisão só pode ser tomada com o governador Rui Costa (PT). Os dois, no entanto, ainda não se encontraram para tratar sobre o assunto, enquanto sofrem pressão de empresários do setor do entretenimento e trabalhadores que lucram no período momesco. A Fiocruz Bahia enviou um ofício à Comissão Especial de Acompanhamento da Retomada dos Eventos da Câmara Municipal de Salvador.

Carnaval em Salvador multidão no circuito Barra/Ondina - Fotos Publicas

O documento foi lido durante audiência pública realizada nesta terça-feira (23). No ofício, a Fundação sugere que dois cenários sejam considerados na organização do Carnaval: o primeiro com a pandemia controlada, com realização de atividades “normais” ou com agravamento da pandemia, com atividades limitadas. “Temos trabalhado com o parâmetro de pelo menos 80% das pessoas com esquema vacinal completo para se ter maior segurança. Considerando que o carnaval é um evento de massa, com muitas aglomerações e circulação de pessoas (de outros estados e países), consideramos muito importante que a vacinação tenha avançado mais ainda, com pelo menos 90%”, diz trecho do documento ofício assinado pela Diretora do Instituto Gonçalo Moniz, Marilda de Souza Gonçalves, da Fiocruz-Bahia. // Yahoo . Metropoles . BNews.

SIGA NOSSO INSTAGRAM: instagram.com/vitoriadaconquistanoticias

Leia também no VCN:

Pin It on Pinterest