WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
nova mrv

PMVC

Embasa



safernet br
novo horizonte

aky veiculos

natanael falar e arte

Vídeos amadores postados no YouTube permitem percorrer a Vitória da Conquista de 1987

fonte_blogdomarceloBlog do Fábio Sena

Carolina Miranda Bittencourt postou na web um verdadeiro documento histórico visual, e que já virou febre nas redes sociais.

A sensibilidade de quem registra momentos históricos é uma condição de poucos, que ao final das contas, acaba beneficiando a todos. O saudosismo ou querer retomar momento do passado em imagem e vídeo é um sentimento comum e em Vitória da Conquista um fragmento de tempo em dois vídeos baixados no Youtube, está oferecendo a muita gente um momento de rara recordação, em filmagem amadora de 1987, segundo informa a gravação, realizada no mês de julho, em um final de semana ignorado.

O casal, com o filho em cadeirinha especial no banco de trás, transita algumas vias importantes do centro da cidade. Não se sabe qual a intenção da filmagem, sua finalidade, ou mesmo se era apenas a utilização sem propósito de um equipamento de vídeo que para a época se tratava de luxo para poucos. Mas o importante é que dotada de um espírito de compartilhamento e decência com a história da cidade, a filha do casal, Carolina Miranda Bittencourt, resolveu postar o vídeo pra lá de surpreendente no youtube, para deleite dos tantos conquistenses que viveram aqueles tempos..

Fuscas, Fiats 147, Chevettes, Opalas, Paratis, escorts são os automóveis mais vistos nas vias por onde trafega o cinegrafista amador, nos idos de 1987, ao lado de sua família, passando do bairro Guarani rumo ao centro da cidade, revelando um cenário de época que surpreende a todos por outros tantos detalhes, como pontos comerciais, veículos, pessoas, vestimentas, propagandas, numa linguagem guardada em um compartimento de tempo que apenas o imaginário não ajudaria a reproduzir.

Ao fundo dos vídeos a trilha sonora despropositada com canções de sucesso do momento, em sintonia de rádio local, que colaboram mais ainda para o recorte de tempo, com canções como “Amanheci sozinho” do Roupa Nova, acompanhada por outro hábito perdido ao longo do tempo, o de assoviar.

O passeio familiar acontecia em final de semana, com lojas fechadas, mas com um movimento de trânsito considerável. O trajeto traz recordações da loja 11 do Superlar; circula a avenida Régis Pacheco e chega ao “Bigode de Pedral” e Cofet, para em seguida chegar a uma Lauro de Freitas irreconhecível, com poucos ônibus da Conquistense disponíveis. Na 2 de Julho registram-se alguns casarões ainda conservados e logo depois a praça Caixeiros Viajantes, onde se abrem Banco do Brasil, Banco Econômico e tantos outros detalhes daquela Conquista.

No segundo vídeo, um outro fator visível, nos momentos em que a câmera consegue expandir a imagem da cidade, e a conservação da Serra do Peri Peri, com quase nenhuma moradia, ao menos nos pontos onde se avista a serra. Também pode ser visto o Centro de Cultura recém inaugurado, o “lojão” da Superlar, a praça Guadalajara da Escola Normal e depois o casal estaciona brevemente na praça do Gil, que viria a ser palco da grande micaretas. Os cinegrafistas amadores seguem a Vivaldo Mendes e passam pela panificadora Recreio, atual Chame Chame e já entrando na Coronel Gugé se deparam com a Arapuã, até seguir à praça Tancredo Neves.

O cenário político também era de mudanças, quando o prefeito municipal era Hélio Ribeiro, que comandou a cidade no lugar de José Pedral Sampaio, que asumiu a Secretaria de Transportes do Governo Waldir Pires. No país, outros fatos importantes aconteciam: a instalação da Assembleia Nacional Constituinte; lançamento do Plano Bresser; candidatura de Luiz Inácio Lula da Silva à presidência da República; Nelson Piquet torna-se o tricampeão mundial de Fórmula 1 e Brasília é declarada como Partimônio Cultural da Humanidade.

Comentários

comments

Leia também no VCN:
error: Você não tem permissão para copiar conteúdo ou visualizar a fonte.